Poesias

Índice  por  ordem  alfabética

A

A Bailarina  -  Cecília Meireles

A esposa - Catulle Mendès

A sorte - Luiz Delfino

A ti -  Victor Marie Hugo

A explosão   -   Neimar de Barros


B

Beijo  -  Autoria desconhecida

C

Canto integral do amor - J. G. de Araújo Jorge

D
Depois da batalha  - Victor Marie Hugo


E
Economia  -  Guiseppe Guiaroni

Epigrama - Ernesto Cardenal

Espera-me - Constantin Simonov


F


G



H


I


Insensível  -  Professor Celso Barbosa

J


L
Le vase brisé  -  Sully Prudhomme

M


Martin Cererê - Cassiano Ricardo

Mensagem da Criança    -  Chico Xavier

Meu Filho   -   Djalma Andrade

Meu filho, minha filha - Carpinejar

N

Não sei por que - Autor desconhecido

Nunca mais  -   Autor  desconhecido

O
O beijo do papai  -  Eustórgio Wanderley

O  esquecimento - Maria José Aranha de Rezende

O silêncio conivente da omissão - Neimar de Barros

Orgulho e Renúncia    -   J. G. de Araújo Jorge


P

Partiste  -  autor  desconhecido

Poema Social   -  Padre Tarcísio Marchiori

Pontos finais  -  J. G. de Araújo Jorge


Prece - J. G. de Araújo Jorde


Q

Quando me rio - autor desconhecido

Quem estará lendo isto agora?Walt Whitman

S

Se - Nóbrega da Siqueira

Se eu quiser falar com Deus  -  Gilberto Gil

Taperas - autor desconhecido                                                     V

Vocação - Cônego Durval G. Garcia

Volúpia e tragédia de um bípede - Neimar de Barros

Numeral


100  POEMAS  -  Carlos Drummond de Andrade






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Querido leitor, está com dificuldade para postar um comentário?
Siga os passos:
1- Digite no quadro o seu comentário.
2- Em "comentar como" escolha a opção nome/URL e digite seu primeiro nome
3- Não precisa escrever na opção URL
4- Clique em publicar.

Se aparecer a frase "EU NÃO SOU UM ROBÔ", basta seguir as instruções e depois publique.

Bjs