terça-feira, 22 de dezembro de 2015

MASSACRE DE IPATINGA

Resenha por João de Carvalho


Título: Massacre de Ipatinga – Quadro a quadro
Organizador: Edvaldo Fernandes
Realização: Instituto Pauline Reichstul
Número de páginas: 178
Ano: 2013

Pontuação: 4/5
  
Apreciação:

É um livro bem documentado, registrando um episódio doloroso, que ficou conhecido como “O Massacre de Ipatinga”, esta uma dinâmica cidade da Região do Vale do aço. 

O episódio se deu no dia 07 de outubro de 1963, com a ação violenta da Polícia Militar para conter um protesto em frente à Siderurgia Usiminas, findando-se em um saldo de 08 trabalhadores mortos e 78 feridos. O Livro traz “a relação dos feridos e mortos, às folhas 169/171”.

A chacina teve repercussão instantânea na imprensa nacional e internacional. Foram instaladas comissões de inquéritos para apuração dos fatos que desencadearam a chacina. Ao leitor do Livro resta a expectativa do desfecho dos fatos, assim como a atuação da Comissão de anistia do Ministério da Justiça.

sábado, 19 de dezembro de 2015

INVISÍVEL

Resenha por Lívia Alves

 

Título:  Invisível
Autores:  David Levithan e Andrea Cremer
Editora:  Galera Record
Ano: 2014
Páginas: 322

Pontuação:   4/5

Resenha: 

Repleto de metáforas, “Invisível” é uma poesia viva que contagia da primeira até a última página. 

O modo como os autores utilizaram para narrar a improvável história de um garoto invisível e da única pessoa que pode enxergá-lo de verdade, foi sensacional. 

É impossível iniciar a leitura e não se deixar induzir pelo texto reflexivo, onde o leitor se vê imerso no universo solitário de Stephen, e na imaginação viva e colorida de Elizabeth. 

quinta-feira, 17 de dezembro de 2015

ANJOS E DEMÔNIOS

 Resenha por João de Carvalho

Título:  Anjos  e  Demônios
Autor:  Dan Brown
Editora: Sextante
Páginas: 464

Pontuação: 5/5

Resenha:


“Anjos e demônios”, livro deste grande escritor atual, Dan Brown, foi, entre seus romances de ficção, o que mais me agradou e atraiu a minha atenção, como leitor de suas múltiplas obras. Roma, denominada a cidade eterna, sempre exerceu grande fascínio na mente dos estudiosos do nosso passado. A cidade dos Césares, com sua pompa e seu coliseu que abrigou os maiores lutadores de Arena, como o famoso “Espanhol” revivido pelo cinema, foi também o palco de horrendos sacrifícios dos primeiros mártires romanos. A ideia e os ideais destes cristãos permaneceram e alimentam a crença de grande parte da humanidade atual.

Romance Anjos e Demônios  revive cenas impressionantes da alta cúpula religiosa do Vaticano, nestes exatos termos feitos pela Editora Sextante:

segunda-feira, 7 de dezembro de 2015

SUBINDO PELAS PAREDES


Resenha por Lívia Alves

Título: Subindo pelas paredes
Autora: Alice Clayton

Editora: Benvirá
Ano: 2014

Páginas: 256

Pontuação: 5/5
Resenha:

 Muito bom e divertidíssimo. Com muitas risadas, uma narrativa sexy, afiada e com um texto bem objetivo. Os personagens são bem cativantes e todos os relacionamentos são explorados ao máximo, a relação entre os protagonistas se desenvolve de uma forma tão simples e sedutora que é difícil não gostar do casal.
Livro perfeito para quem cansou de tanto drama e quer uma pausa de todo esse clichê.

quarta-feira, 2 de dezembro de 2015

O MENINO DO DEDO VERDE

Resenha por João de Carvalho

Título: O menino do Dedo Verde

Autor: Maurice Druon

Editora: José Olympio

Número de páginas: 150

Edição: 57ª

Ano: 1996


Pontuação: 5/5

  
Apreciação:




 Este livro foi escrito por Maurice Druon, ex-Ministro da Cultura francesa, oferecendo às crianças uma obra-prima de pura ficção, transbordante de humor e poesia. Esta obra, como “O Pequeno Príncipe” de Saint-Exupéry, cativou o público com semelhante intensidade, porque sua aceitação foi marcada com grande apreço pelas crianças, jovens e adultos, quer da França, quer do mundo literário.

MARTIN CERERÊ

Resenha por João de Carvalho


Título: Martin Cererê
Autor: Cassiano Ricardo
Editora: José Olympio Editora Ltda.
Edição: 24ª
Ano: 2009
Páginas: 253

Pontuação: 5/5

Apreciação:
 
O modernismo, afirmam e provam os autores de livros didáticos para o ensino médio, teve início com a Semana da Arte Moderna, realizada no Teatro Municipal de São Paulo nos dias 13, 15 e 17 de fevereiro de 1922. O espetáculo literário foi aberto com uma conferência de Graça Aranha, chamada de “A Emoção Estética na Arte Moderna”. Foi uma ideia de renovação

sábado, 21 de novembro de 2015

APENAS UM ANO

                   Resenha por Mara Carvalho

Título: Apenas um ano
Autora: Gayle Forman
Editora: Novo Conceito
Ano: 2013
Páginas: 352

Apreciação: 3/5

Resenha:
Este é o segundo livro da trilogia. O primeiro é “Apenas um dia” (já resenhado aqui no blog).

O livro traz a versão de Willen. É muito interessante o desenrolar dos fatos e a explicação do porque do sumiço dele naquele dia em Paris.

sexta-feira, 20 de novembro de 2015

WILLING CAPTIVE

                   Resenha por  Lívia Alves

Título: Willing Captive
Autora: Belle Aurora
Editora: Belle Aurora
Ano: 2013
Páginas: 199

Apreciação: 4/5

Resenha:

O livro foi uma grande surpresa, pois alia humor a temas como rapto, porém só quando começamos a ler é que percebemos que nada é o que parece.

Narrado por Lily é impossível não se divertir pois ela é hilária! Temos também alguns pontos de vistas de Nox, curtos o que é uma pena, mas conseguimos conhecer um pouco dele, o que sente e o que pensa. 

terça-feira, 17 de novembro de 2015

APENAS UM DIA

                   Resenha por  Mara Carvalho

Título: Apenas um dia
Autora: Gayle Forman
Editora: Novo Conceito
Ano: 2014
Páginas: 382

Título original:  Just one day
Tradução:   Ana Paula Doherty

Apreciação: 4/5

Resenha:

Comecei a ler o livro e, no início, parecia um livro de uma história simples. Cheguei a pensar que logo perderia o interesse, mas continuei e o livro ficou bastante interessante!


O livro traz uma frase que cabe bem aqui: “Nem tudo é o que parece”

Romance, drama e mistério fazem parte desta trama.

segunda-feira, 16 de novembro de 2015

O JUDEU INTERNCIONAL

Resenha por João de Carvalho

Título: O Judeu Internacional
Autor: Henry Ford
Editora: Revisão
Páginas: 294

Pontuação: 3/5
   
Resenha:


Henry Ford (1863 – 1947) o estadunidense pioneiro da indústria automobilística norte-americana, inteligência brilhante, é fundador da Henry Ford Company, posteriormente nominada de Ford Motor Company. Este grande industrial possuía um jornal, no qual publicava vários e atualizados artigos sobre sua produção e comércio industrial, assim como sobre o Sionismo, do qual tinha amplo conhecimento, mas que os judeus não gostaram cujo título era “O Judeu Internacional”. A autoconsciência de raça dos judeus era muito elevada, defendida, sintonizada, com plena luta de todos os seus membros para a união. Haja à vista, as 24 teses de sua pretendida hegemonia mundial, à época, calcada nos “Protocolos dos sábios de Sião”. Nova York tornou-se então o centro principal do judaísmo mundial.

domingo, 8 de novembro de 2015

A CONSPIRAÇÃO FRANCISCANA

                   Resenha por  João de Carvalho

Título: A Conspiração Franciscana
Autor: John Sack
Editora: Sextante
ano: 2007
Páginas: 448

Apreciação:  5/5

Resenha: 

São Francisco de Assis (1182 – 1226) foi um gigante da Santidade. Foi hábil vendedor de tecidos. Participou de disputas em cidades, tendo sido levado à prisão de Perúgia. Apurado cavaleiro, mas uma aparição especial veio jogar por terra sua decisão. Estando em oração na Igreja São Damião, o Senhor lhe falou, dando-lhe uma gigantesca missão, com estas preciosas palavras:

“Francisco, vai e repara a minha igreja, que como vês, está em ruínas”.

quarta-feira, 4 de novembro de 2015

SER FELIZ É ASSIM

                   Resenha por  Lívia Alves

Título: Ser feliz é assim
Autora: Jennifer Smith
Editora: Galera Record
Ano: 2014
Páginas: 400


Apreciação:  4/5

Resenha: 

Um livro narrado em terceira pessoa e com alternâncias entre Ellie e Graham, com isso o leitor tem a oportunidade de saber exatamente o que se passa com cada um; suas opiniões, o modo de pensar, agir, suas frustrações, insegurança e momentos felizes.

Única coisa que não me agradou foi o fato do final ter ficado vago, o que faz, com que cada leitor pense de forma diferente sobre como realmente termina o livro. Fora isso, achei o enredo brilhante, com uma história equilibrada em romance e realidade.

segunda-feira, 2 de novembro de 2015

ISABELLA DE MEDICI

A    VIDA  GLORIOSA  E  O   FIM  TRÁGICO  DE   UMA  PRINCESA  DA  RENASCENÇA

Resenha por João de Carvalho

Título: Isabella de Medici
Subtítulo: A vida gloriosa e o fim trágico de uma princesa de Renascença
Autora: Caroline P. Murphy
Editora: Record
Páginas: 460

Pontuação: 4/5

Resenha:

ISABELLA DE MEDICI
(1542 - 1576)

Na época do Renascimento, como em qualquer outra época da história, a ganância pelo poder faz todo e qualquer crime.

Isabella Romola é filha da espanhola Eleonora Toledo e de Cósimo I, que iniciou sua vida como primo pobre dos Médici e terminou como o primeiro grão-duque da família.

segunda-feira, 26 de outubro de 2015

DESEJO À MEIA-NOITE

                   Resenha por  Mara Carvalho


Título: Desejo à meia-noite
Autora: Lisa Kleypas
Editora: Arqueiro
Ano: 2013
Páginas: 272

Título original: Mine till Midnight
Tradução:   Lívia de Almeida

Apreciação: 5/5

Resenha:

Desejo a meia noite é o primeiro livro da série “Os Hathaways”.

Após a morte dos pais, Lord Ramsay, Leo, é o responsável pelas 4 irmãs. Este seria o comportamento normal do filho mais velho, entretanto, após a morte de sua noiva, ele passa a ter um comportamento autodestrutivo e irresponsável regada a jogos, bebidas e mulheres, além de dilapidar parte do patrimônio da família.

Só resta então a Srta. Amélia Hathaway cuidar de todos, o que ela faz com competência e firmeza. Amélia é uma mulher forte que tomou para si esta missão. Após uma decepção amorosa ela descarta a possibilidade de se casar e não quer perder a sua independência, cuidar da família passa a ser o foco.

domingo, 25 de outubro de 2015

ZÉ BAIANO - UMA LENDA DA VÁRZEA

Resenha por Mara Carvalho

Título: Zé Baiano - Uma lenda da várzea
Autor: Rildo Parreiras
Editora: agbook
Páginas: 129

Pontuação: 5/5

Resenha:


Rildo Parreiras nos brinda com um livro recheado de emoções. A sua infância simples e um ícone local.

Zé Baiano, pedreiro de profissão, casado com D. Maria e pai de nove filhos, foi um daqueles homens que chega para mudar vida dos outros. 

Respeitado por todos e utilizando-se do futebol, que era o lazer preferido das crianças, jovens e até adultos do bairro Santa Maria,  plantava, dentro de cada um, os valores que ele próprio carregava: o respeito, disciplina, responsabilidade, compromisso e ética. Além de exigir frequência escolar e notas boas na escola.

sábado, 24 de outubro de 2015

ZELOTA - A VIDA E A ÉPOCA DE JESUS DE NAZARÉ

Resenha por João de Carvalho

Título: Zelota
Subtítulo:  A vida e a época de Jesus de Nazaré
Autor: Reza Aslan
Editora: Zahar
Páginas: 303

Pontuação: 5/5

Resenha:


Há muitos e belos livros escritos sobre Jesus, através dos séculos, que nos separam de seu sacrifício na cruz e ressurreição. Este livro trata especificamente sobre a vida e a época de Jesus de Nazaré.

Diferentemente de outros livros sobre este grande personagem da história Humana, aliás, o maior e mais desejado pelas nações, desde a queda dos nossos protoparentes, conhecida como pecado original, transmitido às gerações pela natureza humana, Jesus é apresentado sob a ótica de uma prosa envolvente, baseada em pesquisa meticulosa, feita por um escritor especialista em religião.

sexta-feira, 16 de outubro de 2015

DOCE PROCURA

Resenha por Lívia Alves

Título: Doce Procura
Autora: kevin Alan Milne
Editora: Record
Ano: 2013
Páginas: 319

Apreciação: 5/5

Resenha:

Com narrativa em terceira pessoa e uma escrita maravilhosa, o livro conta a história de Sophie e sua relutância em admitir a existência da felicidade duradoura e de Garret o ex-noivo que é um personagem extremamente agradável sendo impossível odiá-lo, mesmo depois do misterioso término com Sophie, pois ele é tão engraçado e tão cheio de paciência.

O livro me arrancou muitos sorrisos e me comoveu em vários momentos.

quarta-feira, 14 de outubro de 2015

A ESPERANÇA DE UMA MÃE

Resenha por Mara Carvalho

Título: A Esperança de Uma Mãe
Autor: Francine Rivers
Editora: Verus
Ano:  2012
Página: 504

Título Original:    Her Mother’s Hope 
Tradução: Alyda Saue


Pontuação:   5/5

Resenha:

O livro inicia em 1901 com a história de Marta. Aos 12 anos de idade ela vive com os pais e irmãos na Suíça. O pai era violento, ela era vítima de agressões constantes. A mãe, apesar de amar muito a filha é submissa ao extremo e fecha os olhos a tais atitudes do marido.

Mas uma frase é dita pela mãe, e esta ficou gravada na mente de Marta e foi o que a guiou pela vida:

“Voe! Disse a mãe. Seja como a águia”.

E ela voou!!   Buscou  seu caminho, cheio de sofrimentos, dificuldades, mas ela conseguiu! Em um lugar completamente diferente, em outro país ela encontra seu lugar, sozinha! Para conquistar ser espaço no mundo ela se torna forte e com um escudo de proteção contra sofrimento.

domingo, 11 de outubro de 2015

A BAILARINA



Comentários por Simone Carvalho: 

A poesia feita pelo poeta Cecília Meireles, falando de uma criança, é de uma ternura e uma leveza que nos toca a alma e nos emociona!

Ao lê-la temos a visão clara dessa criança. E ela, na ponta dos pés, sorri e rodopia com os bracinhos no ar, sem sair do lugar.    

LIGEIRAMENTE CASADOS

Resenha por Mara Carvalho

Título: Ligeiramente Casados
Autor: Mary Balogh
Editora: Arqueiro
Ano:  2015
Página: 288

Título Original:    Slightly Married 
Tradução: Ana Rodrigues


Pontuação:   5/5

Resenha:

Simplesmente perfeito!!!!! 

Este é o primeiro livro da série “Os Bedwings” e eu estou completamente encantada!

O livro é narrado em 3ª pessoa e alterna os pontos de vista, ora de Eve, ora de Aidan. Fantástico!

Durante a guerra contra a tirania de Napoleão Bonaparte,  Lord Aidan Bedwyn, Coronel do exército Inglês, se depara com o Capitão Morris, Percy, já nos seus últimos instantes de vida. Naquele momento Percy só se preocupa com sua irmã e pede para que o Coronel faça uma promessa: que vá, pessoalmente, dar notícias de sua morte à irmã e que a proteja, custe o que custar!

quinta-feira, 8 de outubro de 2015

AS DESCOBERTAS DE JUJU

Resenha por Mara Carvalho

Título: As Descobertas de Juju
Subtítulo: A Caixa de Recordações
Autora: Janaína Oliveira
Ano: 2015
Páginas: 30
Ilustração: Túlio Campos

Pontuação: 5/5
                   
 Resenha:

Uma menina com cachinhos cor de mel é a personagem deste livro de Janaína Oliveira. Com uma história linda, ela nos leva a um mundo da imaginação.

A caixa de recordações, cheia de boas lembranças da vovó Naninha quando criança. As conversas com a netinha Juju. O diário.

O GÊNIO E AS ROSAS

Resenha por João de Carvalho

 Título : O Gênio e as rosas
 Autores: Paulo Coelho e Maurício de Sousa
 Editora: Globo
 Ano: 2004
 Páginas: 64

Pontuação: 5/5
                           
Resenha:

Dois grandes nomes se uniram para apresentar este livro de sabor infantil, Juvenil e por que não dizer, adulto? 

As histórias são narradas com arte pelo Literato e com literatura pelo Artista. O trocadilho é para demonstrar que o  entrosamento  entre  ambos, forma um só todo, sem distinção, quase!

terça-feira, 6 de outubro de 2015

AS MULHERES DO NAZISMO


                   Resenha por  Mara Carvalho

Título: As Mulheres do Nazismo
Autora: Wendy Lower
Editora: Rocco
Ano: 2014
Páginas: 288

Apreciação: 5/5

Resenha:

Wendy Lower fez uma pesquisa minuciosa sobre as mulheres alemãs enviadas durante a guerra ao leste da Europa, Ucrânia, etc. 

Muitas destas mulheres matavam judeus e outros inimigos. Elas acreditavam que “suas ações eram atos de vingança justificados, praticados contra inimigos do Reich”.

As agências, como a SS e a polícia, eram as principais executoras. Estas agências eram compostas por várias mulheres, elas eram zelosas administradoras, ladras, torturadoras e assassinas.

segunda-feira, 5 de outubro de 2015

ATÉ VOCÊ SER MINHA

                   Resenha por Lívia Alves

Título: Até Você Ser Minha
Autora: Samantha Hayes
Editora: Intrínseca
Ano: 2015
Páginas: 336

Apreciação: 4/5

Resenha:

O livro prende do início ao fim e os personagens são bem intensos. 

Mesmo os personagens secundários, como Lorraine e Adam, tem toda uma história dentro da trama. 

Com uma narrativa repleta de reviravoltas, o livro traz os desejos humanos mais intensos e mostra quão longe alguém pode chegar para conseguir o que quer.

Confesso que sempre consigo adivinhar quem é o criminoso, mas dessa vez a autora conseguiu me enganar! O desfecho é realmente surpreendente, quando você pensa que descobriu tudo é aí que você se engana.

quarta-feira, 30 de setembro de 2015

O PRÍNCIPE DOS CANALHAS

                   Resenha por  Mara Carvalho


Título: O Príncipe dos Canalhas
Autora: Loretta Chase
Editora: Arqueiro
Ano: 2015
Páginas: 288

Título original:  Lord of Scoundrels
Tradução:   Ivar Panazzolo Junior

Apreciação: 4/5

Resenha:

O livro inicia com a história de Sebastian Guy de Ath Ballister, a fuga da mãe com o amante, sua infância, adolescência, e o desprezo com que fora tratado pelo pai durante toda sua vida.

Sebastian,  Lord Dain ou até mesmo Lord Belzebu, como era chamado, era  extremamente rico. Devido aos traumas da infância ele não abre espaço em sua vida para nenhuma mulher honesta, vive para a depravação e os jogos de azar. Ele é o tipo de homem que não acredita no amor e é má influência para os amigos. E é exatamente para livrar seu irmão Bertie das garras do Lord Dain que Jessica Trend vai para Paris com sua avó Sra. Pembury.